O inside sales é um conceito de marketing e organização empresarial, que é voltado para as vendas internas.

Em suma, trata-se da otimização de uma série de tecnologias e estratégias, que quando bem organizadas, podem flexibilizar o processo de vendas e trazer uma série de benefícios a médio e longo prazo, como por exemplo:

  • Diminuir custos no processo de venda;
  • Flexibilizar o padrão de atendimento;
  • Melhorar o relacionamento com o cliente;
  • Elaborar novos métodos de venda;
  • Entre outros.

Mas se você tem uma empresa que vende imã de ferrite, por exemplo, pode estar se perguntando: “como eu posso adaptar o inside sales ao meu negócio?”.

Sabemos que cada segmento age comercialmente de uma forma diferente, sobretudo, no que diz respeito à venda do seu produto/serviço.

Mas em âmbito geral, o inside sales proporciona o conhecimento para adaptar a sua proposta. Por isso, produzimos esse artigo para falar mais sobre os métodos de inside sales.

Gostou da pauta? Então siga conosco e boa leitura!

Crie conteúdos de abordagem

O primeiro conceito que o gestor de uma precisa levar em consideração ao aplicar alguma estratégia de inside sales, que é necessário criar formas de abordagem que sejam eficientes para conversão de compras e diminuição de custos.

Para uma empresa que vende tubo flexível, por exemplo, o vendedor precisa dominar o produto, as especificações, as características e as dúvidas mais pertinentes, para evitar a necessidade de um técnico fazer uma visita na residência desse cliente.

Criar uma abordagem também municia a equipe de vendas a converter o lead com mais facilidade, pois adotará uma postura mais segura durante a conversa, além de gerar formalidade dentro do setor de relacionamento com os clientes.

Crie uma régua de negociação no sistema

Como adiantamos anteriormente, o inside sales é uma estratégia que une tecnologia com conhecimento de mercado, para aumentar a produtividade comercial.

Dessa forma, se torna indispensável que o operador tenha liberdade para poder negociar com o cliente, sem a necessidade de uma interferência da gerência.

Anexar uma flexibilidade para negociação dentro do sistema de CRM, por exemplo, vai ajudar o vendedor a ter melhores argumentos e conseguir vender o produto ao cliente, pelo preço ou forma de pagamento, que melhor se encaixa na necessidade do lead em potencial.

Faça análise e mensuração de resultados

O índice de venda pode determinar várias questões, entre elas estão, a necessidade do mercado e a efetividade na forma de abordagem que vem sendo adotado pela empresa..

As estratégias de inside sales podem ser aprimoradas quando usam a mensuração de resultados para implementação de eventuais mudanças, na busca de construir uma abordagem mais efetiva sob o cliente.

Utilize ferramentas digitais para o relacionamento com o cliente

Para evitar a necessidade de fazer o deslocamento até o cliente, e também aprimorar o atendimento, o setor de vendas deve, quando se fazer necessário, deve usar as ferramentas digitais para a apresentação do produto ou serviço oferecido, como por exemplo:

  • Whatsapp/telegram
  • Chamadas de voz
  • Chamadas de vídeo
  • Videoconferência

Para uma empresa que vende catalizador de tinta, por exemplo, esses mecanismos tecnológicos ajudam a uma abordagem mais eficiente para a venda do produto, além de otimizar o marketing de relacionamento com os clientes.   

Esse foi nosso artigo falando sobre como adaptar seu negócio ao modelo do inside sales. Se gostou do conteúdo compartilhe e nos siga para mais dicas de marketing, empreendedorismo e gestão empresarial.

 

Conteúdo produzido pela equipe do Soluções Industriais. 

Leave a comment

Your email address will not be published.